GIGANTE Pela Própria Natureza!
Uma mistureba sem fim!!! O seu blog sobre TUDO e NADA ao mesmo tempo! Seja muito bem vindo!!!!

TRADUTOR!

PESQUISE NO MASSAROCCA!

quinta-feira, 16 de junho de 2011

[CINEMA] Crítica: Qualquer Gato Vira Lata.







Qualquer Gato Vira Lata (Brasil, 2011) é uma adaptação da peça homônina de Juva de Oliveira. O filme tem todos os ingredientes de uma comédia romântica atual: Mocinha sexy, sonhadora e sofredora, mocinho herói e tímido, namorado cafajeste e uma pequena dose de humor. O filme que estreiou semana passada tem acertos e erros no roteiro, mas no fim é um longa que vale o preço da meia entrada do ingresso, e nada mais que isso. Ou seja, cumpre seu papel em divertir. E só.

A história do filme é totalmente clichê. Tati, em uma atuação surpreendentemente boa de Cléo Pires (que demostra ser uma atriz versátil - deve ser herança de familia - e com bom time para comédia), leva mais um fora do namorado Marcelo (Dudu Azevedo, se repetindo no mesmo papel de Muita Calma Nessa Hora, 2010 e outros trabalhos anteriores na TvGlobo) e conhece o professor Conrado (Malvino Salvador, que só não consegue ser mais caricato que Rita Guedes no papel de sua ex-esposa), assim logo ela se oferece para ser "cobaia" da tese dele que tem como objetivo provar que as mulheres devem deixar que os homens a procurem, assim como ocorre no reino animal, que o contrário disso é fazer com que o "macho" não se interesse pela "fêmea", ou que não se interesse por mais que uma noite.

O filme começa com uma sequência de cenas de apresentação dos personagens Tati e Marcelo. Após o "pé na bunda" Tati acaba por acaso assistindo uma aula de Conrado na Faculdade. Depois de encontros e muitos desencontros eles acabam se aproximando e percebem que estão apaixonados.  Paralelamente, o namorado agora rejeitado, passa a valorizar a ex-namorada e tenta reconquistá-la. Mais cliclê que isso, impossível!

O maior destaque do filme é mesmo Cléo Pires que, além de encher a tela com sua sensualidade, brinda o público com uma atuação digna, principalmente nos momentos de descontrole de sua personagem. Vale ressaltar que a atriz salva o filme no critério de atuação, já que as outras são lamentavéis. Destaque negativo para Dudu Azevedo que na tentativa de ser engraçado é constrangredor.

O filme ainda peca em quesitos técnicos. A edição de som é falha em algumas cenas, principalmente em cenas de externas, e em diversas outras a fotografia é escura e densa demais. Não encanta.

Existe uma cena que me chama muita atenção. Logo no início do filme, depois da uma noitada pra comemorar seu aniversário, a empregada de Marcelo aparece arrumando a bagunça na casa do jovem patrão e, entre um sutiã e outro, ela vai tomando todos os restos de bebida alcóolica que encontra pela frente. E lógico fica bêbada. Justiça seja feita, essa é a cena mais engraçada do filme. Mas fica perdida alí, pois a personagem não aparece mais durante todo o longa. Ou seja, no fim das contas, é uma cena totalmente dispensável. Assim como a participação de Gregório Duvivier (Apenas o fim, 2008), talento disperdiçado em duas cenas cuja sua participação era desnecessária. 

Contudo, o filme é  assistível. É daqueles filmes que a gente lamenta por ter um roteiro tão previsível e ralo. Que a gente lamenta pela escolha equivocada da maior parte do elenco. Que a gente lamenta por não ter um trailler que desperte a vontade do público em assistir. Que a gente lamenta por ser tão mal divulgado (algo raro quando se trata da franquia GloboFilmes envolvida). Mas que no fim das contas, a gente até se orgulha(!) por ter um filme que não deve nada para as comêdias românticas piegas e clichês americanas. 

Podem ir aos cinemas ver o filme tranquilamente. Não é perda de tempo. Mas não é um grande filme também. Muito longe disso. O Filme se assemelha aos recentes: De Pernas pro Ar e Muita Calma nessa Hora.  

Mas, mais uma vez repito: Cléo Pires é show e dá show como Tati. Ela paga o ingresso. Ao menos a meia entrada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

SIGA O MASSAROCCA POR EMAIL

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...